Você está em: Notícias»VEREADORES APRESENTAM PROJETO QUE ALTERA O HORÁRIO DA SESSÃO PLENÁRIA

VEREADORES APRESENTAM PROJETO QUE ALTERA O HORÁRIO DA SESSÃO PLENÁRIA

VEREADORES APRESENTAM PROJETO QUE ALTERA O HORÁRIO DA SESSÃO PLENÁRIA
Na Sessão Plenária realizada nessa terça-feira(01), os vereadores Donizetti Amorim, Davi Sousa, Matheus Vilela e Gilmar Chaves, após consenso com a maioria dos vereadores e depois de ter ouvido várias pessoas da comunidade, apresentaram o Projeto de Resolução n. 06 que Altera dispositivo que menciona na Resolução nº 213/06 – Regimento Interno da Câmara Municipal de Itaú de Minas, modificando o horário das sessões do Legislativo de Itaú de Minas/MG. Pelo que puderam constatar, a nossa comunidade hoje tem tido acesso as sessões da Câmara por meio das transmissões pela Internet e pelas visualizações das gravações disponibilizadas no Site. As pessoas têm relatado que podem assistir às sessões no conforto de seu lar, seja na hora da transmissão ou em outro horário que julguem ser mais conveniente e oportuno. Além do que, as poucas pessoas que costumam ir assistir as sessões na Sede da Câmara poderão ir também ao novo horário, pois não é horário de trabalho. Os cidadãos já possuem uma rotina de assistir aos telejornais e a outros programas, bem como de terem outros compromissos de cunhos religiosos e sociais que são no horário noturno, deixando uma concorrência desleal para com as sessões da Câmara. Prova disto, é que a média de pessoas que assistem às sessões na Câmara é de 10 pessoas em dias normais. Em compensação, já temos uma média de 50 acessos no horário das transmissões e de 211 acessos à página do Legislativo no período posterior a divulgação da última sessão da Câmara em julho. Desta forma, não se justifica mais os gastos que o Poder Legislativo tem tido para manter as sessões em horário noturno. Investiu-se alto para que a comunidade tenha acesso aos trabalhos da Câmara através de tecnologias modernas e de interação, pois mesmo durante as transmissões das sessões as pessoas vêm se interagido com os vereadores por mensagens em redes sociais e aplicativos, o que é muito válido e importante para a transparência e a democracia. O projeto ora apresentado visa adiantar em 3 horas o horário das sessões, propiciando economia aos cofres públicos. Posto que, não haverá mais a geração de horas extras e adicional noturno dos servidores que assessoram as sessões, bem como economia com energia elétrica entre outros gastos.


© 2017 - Desenvolvido por Lancer